Consultor do Vaticano, padre James Martin, nomeado de Francisco, celebra o "orgulho gay" e ignora qualquer menção ao mês do Sagrado Coração de Jesus

Publicado no dia 04 Junho 2019

04.06.2019 -

n/d

Padre James Martin, Consultor do Vaticano, nomeado de Francisco, desejou um... "Happy (feliz) Pride (orgulho gay)"...aos todos homossexuais e ignorou totalmente o mês do Sagrado Coração de Jesus.

n/d

O consultor colocado por Bergoglio, no Ministério da Comunicação do Vaticano, padre James Martin SJ, desejou: "Feliz Mês do Orgulho gay", para "os meus muitos amigos (gays) LGBTQ". No Twitter (1 de junho), ele incentivou os homossexuais a se "orgulhar" de sua "dignidade dada por "Deus", e de "muitas suas contribuições à Igreja".

n/d

 "Orgulho" pertence aos sete pecados mortais. Um catolico lembrou ao Padre Martin, que o orgulho tirou Satanás do Céu. O mês de junho é dedicado de maneira especial à veneração do Sagrado Coração de Jesus, mas o escolhido de Bergoglio, James Martin, está fixado apenas no mês em que os sodomitas celebram seu 'orgulho.

Fonte: en.news  via  religionlavozlibre.blogspot.com

===========================

Nota de www.rainhamaria.com.br

A nova "misericórdia", que estes "lobos em pele de cordeiro" criaram...

n/d

...declara apenas que Deus os ama, não importa que caminho sigam, não importa que continuem pecando e permaneçam em seus pecados, pois, todos se salvam. Deus é Amor, esqueçam o Deus Justiça, Justo Juiz. Não havendo um Deus que condena, não existe mais condenação ou castigo, logo, não existe mais inferno, é uma anti-igreja pregando um anti-Evangelho. Isto é exatamente o que se passa com Francisco, ele e seus bispos progressistas mundanos, pregam uma misericórdia apenas de aparências, mas sem a necessidade de uma verdadeira conversão dos pecadores.

Disse São João Crisóstomo: “Nunca Deus é tão ofendido como e quando os que O ultrajam estão revestidos da dignidade sacerdotal".

Declarou o Arcebispo francês Marcel Lefebvre: "A verdade e o erro não estão em pé de igualdade. Isso seria colocar Deus e o diabo em pé de igualdade, visto que o diabo é o pai da mentira, o pai do erro. Eis porque estamos prontos e submissos para aceitar tudo o que for conforme à nossa fé católica, tal como foi ensinada durante dois mil anos mas recusamos tudo o que lhe é contrário". 

Diz na Sagrada Escritura:

"Não digas: A misericórdia do Senhor é grande, ele terá piedade da multidão dos meus pecados, pois piedade e cólera são nele igualmente rápidas, e o seu furor visa aos pecadores". (Eclesiástico 5, 6-7)

"Não te deitarás com um homem, como se fosse mulher (ou mulher com mulher): isso é uma abominação". (Levítico, 18, 22)

"Acaso não sabeis que os injustos não hão de possuir o Reino de Deus? Não vos enganeis: nem os impuros, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os devassos". (I Coríntios 6, 9)

"A reunião dos pecadores é como um amontoado de estopas: seu fim será a fogueira. O caminho dos pecadores é calçado de pedras unidas, mas ele conduz à região dos mortos, às trevas e aos suplícios". (Eclesiástico 21, 10-11)