Estados Unidos: Califórnia tem mais de mil tremores em cinco dias

Publicado no dia 10 Julho 2019

10.07.2019 -

O intervalo entre as réplicas ainda é pequeno, por diversas vezes de alguns minutos, e pelo menos mais 100 abalos de baixa intensidade, inferiores a magnitude 5, foram registrados nas últimas 24 horas pelo USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos).

n/d

Desde o principal tremor do dia 5, o número de réplicas já ultrapassou 1.070. Na extensa lista de tremores observados na Califórnia pelo USGS, chama a atenção abalos moderados que ainda ocorreram algumas horas após o terremoto de 7.1 de magnitudes. Foram cinco terremotos entre 5.0 e 5.5 registrados pelo órgão. Esses eventos de baixa intensidade são chamados de aftershocks, em inglês, ou réplicas.

As réplicas são importantes, pois colaboram de alguma maneira para que zonas altamente instáveis ao longo de uma falha ou entre placas tectônicas liberem a energia armazenada.

Após terremotos de grande intensidade, as réplicas podem durar até mais de um ano, sempre ao longo da mesma falha. Depois um longo período de inatividade na mesma zona do tremor, um novo evento já pode ser considerado um novo terremoto, sem relação com o sismo anterior, dizem os especialistas.

Fonte: www.painelglobal.com.br

===========================

Nota de www.rainhamaria.com.br

Profecia de Nossa Senhora de La Salette, aparição na França em 1846: "As estações serão mudadas, a terra não produzirá senão maus frutos, os astros perderão os seus movimentos regulares, a lua não refletirá senão uma luz avermelhada; a água e o fogo causarão ao globo terrestre movimentos convulsivos e horríveis terremotos, que farão tragar montanhas, cidades. Chegou o tempo. O sol se escurece; somente a fé viverá".

Diz na Sagrada Escritura:

"Porque as comportas do alto se abrem e os fundamentos da terra tremem. A terra se quebra, a terra é abalada violentamente, a terra é fortemente sacudida. A terra cambaleia como um bêbado, é agitada como uma cabana. Sua rebelião pesa sobre ela, ela cairá e já não se levantará" (Isaías 24,18-20).

"Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra a aflição e a angústia apoderar-se-ão das nações pelo bramido do mar e das ondas. Os homens definharão de medo, na expectativa dos males que devem sobrevir a toda a terra. As próprias forças dos céus serão abaladas" (São Lucas 21, 25-26).